segunda-feira, 18 de agosto de 2008

exposição de curtas

repostando meus "curtinhos" favoritos do blog antigo:

vive em angústia e espera
do outro que não via.

legenda alternativa:
vive em angústia e espera
do que nunca lhe ocorria.

-----------x-----------

Não esqueça:
as lágrimas falam de tristezas
e alegrias.
-----------x-----------

Leminskianos

I
Era tão errada
que até pra ser nada
era incompleta.
Era um pedaço
faltando do tudo.

V
Não lembro
o que lhe escrevo
Minha memória
anda morta
Eu
ando morrendo

8 comentários:

Candy disse...

Sabe do que lembrei lendo seu post? de Clarisse Lispector.

Ah, minhas lágrimas são das mais variadas possíveis, mas sei que elas estão sempre presentes. Sempre.

Boa semana
;**

Juliana Dacoregio disse...

Belos poemas. Gostei.

lella disse...

oi ingrid! agora são duas almas lendo meu blog!^^
obrigada pelo elogio, mas falta muito pra considerar o meu blog uma coisa decente (crítica demais)...
enfim você e o daniel já ganharam espaço nos meu links
xeru

Spinelli disse...

Lindos, Ingrid!
Que bom que os repostaste...(!!)
Brujas, meigas, ficamna Galícia.
Me passa teu email...
Beijos

Tat... disse...

Seus posts e as ilustrações que vc escolhe são muito bons.

Valeu por comentar no meu blog...
eu gosto muito do clip do Gram, aliás eu gosto de clipes "animados".

Até

Jamila disse...

:*

Aline disse...

Totalmente. haha é que eu sou assim desesperada e dramatica demais.

daniel moura disse...

Ingrid, que bom ler seu comentário no meu blog. Foi muito gratificante saber que uma pessoa inteligente gostou. Volte sempre!
Felicidades!!